Me Siga

Publicado

A Liga Gaúcha de Futsal divulgou nesta segunda-feira (11) a lista de equipes que se filiaram à entidade dentro do prazo estipulado (8 de fevereiro). No total são 98 clubes confirmados nas 3 categorias adulto masculino, no feminino e nas categorias de base.

Em breve a entidade deve promover congressos técnicos para definir fórmula de disputa e datas para as competições que pretende promover.

Em nota assinada pelo presidente da entidade, Nelsinho Bavier (leia abaixo), a entidade agradeceu a adesão e prometeu dedicação para fazer com que “o futsal esteja organizado e seja gerido profissionalmente”.

Duas equipes de Santiago estão entre os filiados. O Bola Pro Futuro, que deve disputar o estadual na categoria Sub-15 (também pode vir a disputar o Sub-13) e a SER Santiago, que participará do estadual Sub-17.

“A Liga Gaúcha de Futsal, vem por meio deste agradecer as equipes, que apostaram nesse novo momento do futsal gaúcho e realizaram sua adesão na Liga Gaúcha de Futsal.

Chegamos ao número expressivo de 95 equipes filiadas, o que é motivo de grande satisfação, vermos a ampla visibilidade em torno dos clubes ao aderir a LGF.

Este passo, é muito importante que consigamos trabalhar de maneira independente, pois só dessa forma, com autonomia, poderemos fazer o futsal gaúcho crescer ainda mais. Sabemos ainda que, com o número de adesões, o desafio firmado com as equipes é muito grande, mas com a participação e dedicação de todos faremos com que futsal esteja organizado e gerido profissionalmente.”

LIGA GAÚCHA 1
1 – ACBF – Carlos Barbosa
2 – SASE – Selbach
3 – ATLÂNTICO – Erechim
4 – GUARANY – Espumoso
5 – ASIF – Ibirubá
6 – AMF- Marau
7 – PFF – Passo Fundo
8 – AEU – Uruguaiana
9 – ASSOEVA – Venâncio Aires
10 – AMÉRICA – Tapera
11 – ALAF – Lajeado
12 – ABELC – Boa Vista do Buricá

LIGA GAÚCHA 2
13 – AES – Sobradinho
14 – AGE – Guaporé
15 – OMF – Carazinho
16 – AFUCS – Seberi
17 – AFF – Fortaleza dos Valos
18 – GUARANI – Frederico Westphalen
19 – HORIZONTINA
20 – ADCH – Salto do Jacuí
21 – LAGOA – Lagoa Vermelha
22 – NADAS BRANCO – Rio Pardo
23 – BGF – Bento Gonçalves
24 – SERCCA – Casca

LIGA GAÚCHA 3
25 – REAL ALEGRETE
26 – AFI – Itaqui
27 – AEF – Entre Ijuís
28 – ANBF – Novo Barreiro
29 – CERRO LARGO
30 – ASF – Serafina Corrêa
31 – COMETA – Rodeio Bonito
32 – ECC – Canguçu
33 – AEIF – Ijuí
34 – XV NOVEMBRO – Vila Maria
35 – ASTF – Teutônia
36 – ACESA – Charqueadas
37 – IBIRA – Ibiraiaras
38 – SER TRIUNFO
39 – SERADE – São Borja
40 – REAL STREET – Não me Toque
41 – UFSM – Santa Maria
42 – GAÚCHO – Tupanciretã
43 – ECA – Arvorezinha
44 – SI CRUZ ALTA
45 – EC PELOTAS
46 – CITY PASSO FUNDO
47 – UNIÃO INDEPENDENTE – Santa Maria
48 – ATLÉTICO – Candelária
49 – BRASIL – Pelotas
50 – ASSAF – Santa Cruz do Sul
51 – AVF – Vacaria
52 – TRÊS COROAS
53 – SER CRUZ ALTA
54 – ATF – Santa Vitória do Palmar

LIGA GAÚCHA FEMININA
55 – MALGI – Pelotas
56 – Liverpool – Passo Fundo
57 – CELEMASTER – Uruguaiana

LIGA GAÚCHA BASE
58 – UJR – Novo Hamburgo
59 – ADS – Sananduva
60 – AERI – Itaqui
61 – BELLA FUTSAL – Caxias do Sul
62 – 25 de JULHO – Arroio do Tigre
63 – A.G.E – Candido Godoi
64 – FUNDESCAR – Carazinho
65 – AABB – Alegrete
66 – COMETA – Panambi
67 – AAPF – Bento Gonçalves
68 – ACEHOR – Horizontina
69 – AABB – Rio Grande
70 – AFA – Farroupilha
71 – AFSJI – São José do Inhacorá
72 – RECREIO JUVENTUDE – Caxias do Sul
73 – AAV – Veranópolis
74 – SERAP – Antonio Prado
75 – MGA – Caxias do Sul
76 – ACC TRIANON – Canguçu
77 – GNG – Porto Alegre
78 – AABB – Caxias do Sul
79 – ASAF – Santo Ângelo
80 – AMÉRICA – Caxias do Sul
81 – BRILHANTE – Pelotas
82 – SER SANTIAGO
83 – CEPE – Esteio
84 – SERCESA – Carazinho
85 – GARIBALDI
86 – NOVA HARTZ
87 – ARSENAL – Não me Toque
88 – IPIRANGA – Sarandi
89 – PINHEIRO – Carazinho
90 – TOP SPORT – Caxias do Sul
91 – AAPF – Augusto Pestana
92 – PAULISTA – Pelotas
93 – BOLA PRO FUTURO – Santiago
94 – ASESP – Panambi
95 – ALLEFA – São Leopoldo

Publicado

O futuro do futsal gaúcho segue indefinido já que Federação Gaúcha e Liga Gaúcha disputam a preferência dos clubes. Enquanto a situação não define e sequer sabemos quais serão e quando serão disputadas as principais competições, as categorias de base já somam quase 100 equipes filiadas à Liga. Uma delas é o Bola Pro Futuro.

A escolha foi confirmada agora pela manhã pelo Gestor de Esportes do município, Daniel Pahim Teixeira. Assim como todos os clubes gaúchos, o BPF aguarda definições que devem surgir a partir da realização dos primeiros congressos técnicos e da filiação de quase uma centena de clubes.

De acordo com dados compartilhados em grupos, a Liga deverá promover competições em pelo menos seis categorias. Confira a lista abaixo:

Sub- 9
1- CEPE – CANOAS
2- PINHEIRO – CARAZINHO
3 -COMETA PANAMBI – PANAMBI
4 – SERCESA – CARAZINHO
5 – ABELC – BOA VISTA DO BURICÁ
6 – ALAF – LAJEADO
7 – PUMAS HORIZONTINA – HORIZONTINA
8 -AABB – GB RIO GRANDE
9 – ARCENAL –
10 – AGE – GUAPORÉ *

Sub- 11
1- ASIF – IBIRUBÁ
2 -ADS – SANANDUVA
3 -REAL ITAQUI – ITAQUI
4 -CEPE – CANOAS
5 -PINHEIRO – CARAZINHO
6- AAPF- BENTO GONÇALVES – BENTO GONÇALVES
7 – SERCESA – CARAZINHO
8 – ABELC -BOA VISTA DO BURICÁ
9 – ALAF – LAJEADO
10 – RECREIO DA JUVENTUDE – CAXIAS
11- TOP SPORT – CAXIAS
12- PUMAS HORIZONTINA – HORIZONTINA
13- AAPF – AUGUSTO PESTANA
14 – AABB – GB RIO GRANDE
15 – BRILHANTE – PELOTAS
16 – ARCENAL
17 – AGE – GUAPORÉ *
18 – AMF – MARAU *

Sub- 13
1- ASIF – IBIRUBÁ
2 -ADS – SANANDUVA
3- CEPE – CANOAS
4- PINHEIRO – CARAZINHO
5 -COMETA PANAMBI – PANAMBI
6 –AAPF – BENTO GONÇALVES
7 – SERCESA – CARAZINHO
8 – ABELC – BOA VISTA DO BURICÁ
9- ALAF – LAJEADO
10 – TOP SPORT CAXIAS
11 – AEU – URUGUAIANA
12 – RECREIO DA JUVENTUDE – CAXIAS
13 – AGE – GUAPORÉ
14- PUMAS HORIZONTINA – HORIZONTINA
15- TEUTÔNIA – TEUTÔNIA
16 – AABB – GB RIO GRANDE
17 – CARAZINHO FUTSAL – CARAZINHO
18 – BRILHANTE – PELOTAS
19 – 25 DE JULHO FUTSAL – ARROIO DO TIGRE
20 – SERADE – SÃO BORJA
21 – ARCENAL –
22 – CRUZEIRO – CANGUÇU *
23 – AMF – MARAU *

Sub- 15
1 -ASIF – IBIRUBÁ
2 -ASAF – SANTO ÂNGELO
3 -ADS – SANADUVA
4- REAL ITAQUI
5 -UJR – NOVO HAMBURGO
6 – CEPE – CANOAS
7 -ACBF – CARLOS BAROSA
8 – PINHEIRO – CARAZINHO
9 -SERCESA – CARAZINHO
10 – SER CRUZ ALTA – CRUZ ALTA
11– AABB/ ELISEO’S- ALEGRETE
12 – ANTONIO PRADO – ANTONIO PRADO
13 – ABELC – BOA VISTA DO BURICÁ
14- TOP SPORT – CAXIAS DO SUL
15- KORPUS/ ATLETICO CANDELARIENSE – CANDELÁRIA
16- AGE – GUAPORÉ
17- LAGOA – LAGOA VERMELHA
18- PUMAS HORIZONTINA – HORIZONTINA
19- 25 DE JULHO FUTSAL – ARROIO DO TIGRE
20 – AABB – GB RIO GRANDE
21 – CARAZINHO FUTSAL – CARAZINHO
22 – TRIANON – CANGUÇU
23 – BRILHANTE – PELOTAS
24 – TEUONIA – TEUONIA *
25 – AMF – MARAU *

Sub-17
1- UJR – CAXIAS
2 -ASIF – IBIRUBÁ
3 -ASAF- SANTO ÂNGELO
4 -BELLA FUTSAL – CAXIAS
5 -ADS – SANANDUVA
6 -AAV – VERANÓPOLIS
7 -GARIBALDI – GARIBALDI
8 – ACBF – CARLOS BARBOSA
9 – MGA – CAXIAS
10- ANTONIO PRADO – ANTONIO PRADO
11 – SERCESA – CARAZINHO
12 – BGF – BENTO GONÇALVES
13 – AABB/ ELISEO’S- ALEGRETE
14 – LAGOA ESPORTE CLUBE – LAGOA VERMELHA
15 – CARAZINHO FUTSAL – CARAZINHO
16 – ALAF -LAJEADO *

SUB-20
1- UJR – NOVO HAMBURGO
2- ACBF – CARLOS BARBOSA
3- LAGOA – LAGOA VERMELHA
4- ATLANTICO – ERECHIM
5- SERCCA – CASCA
6- BELLA FUTSAL – CAXIAS DO SUL
7- SOBRADINHO – SOBRADINHO
8- SÃO JOSÉ DO INHACORÁ – SÃO JOSÉ DO INHACORÁ
9- A.G.E. ASSOCIAÇÃO GODOIENSE DE ESPORTES – CÂNDIDO GODOi
10- GAÚCHO – TUPACERETÃ
11 – MGA – CAXIAS DO SUL
12 – GARIBALDI – GARIBALDI
13 – CARAZINHO FUTSAL
14 – REAL ITAQUI *
15 – AGE – GUAPORÉ *

* EQUIPES QUE PRETENDEM DISPUTAR E AINDA ESTÃO AVALIANDO A LOGÍSTICA E VIABILIDADE DA CATEGORIA

Publicado

Em 2018 o Música Boa Esportes circulou por aí para levar um formato diferente de programa esportivo à audiência. Intercalando debates esportivos com apresentações musicais, o programa visitou parceiros e reunir gente do esporte e da música. Em 2019 o projeto itinerante segue, agora com o nome de Confraria do Júlio Martins. Mas o “Música Boa…” não sai de cena. Pelo contrário, ganha horário nobre e diário na Rádio Conteúdos Criativos.

A partir desta segunda (11), e em definitivo a partir de 11 de março, o programa irá ao ar nos finais de tarde – entre 17 e 18h -, com a proposta de trazer informação esportiva atualizada e música juntos. No futuro a ideia também é incorporar debates esportivos ao longo do ano.

A produção e apresentação é deste que vou escreve.

Espero vocês em mais essa jornada de conteúdos (esportivos) criativos e música boa!

Publicado

O ciclo vitorioso de Renato no Grêmio serviu, além de recuperar a auto-estima do torcedor tricolor, para trazer de volta uma rotina que por algum foi desprezada por dirigentes, comissão técnica e jogadores: a importância de comemorar títulos e levantar taças.

Renato é competitivo. Quer estar sempre no topo e exige que todos ao seu redor pensem assim. A consequência? Toda taça conquistada é comemorada como uma Libertadores. E esse sentimento se reflete no outro lado da rivalidade.

Essa história de que Gauchão não conta, que comemorar Recopa Gaúcha é feio ou ridículo foi algo criado por dirigentes que precisavam disfarçar um fracasso atrás do outro em um período que o Tricolor sequer conseguia fazer o dever de casa, que é pelo menos se revezar na conquistas de títulos estaduais com o Internacional. Assim, menosprezar as conquistas adversárias seria até como uma motivação para tentar reconquistar o terreno perdido no levantamento de taças.

Faz bem Renato em valorizar cada conquista, faz bem o torcedor em comemorar e faz bem o torcedor do Inter ao questionar o quanto estas pequenas conquistas ganharam valor depois de tanto menosprezo. Faz parte da rivalidade e bobo de quem deixa de festejar, afinal de contas, não é todo dia que se dá volta olímpica.

E antes que alguém me acuse de qualquer coisa, quem me acompanha no dia a dia sabe que desde sempre eu defendo que, como se diz no jogo de truco, a primeira é em casa e o resto é grito. Ou seja, conquistar o título estadual é o mínimo que se pode exigir de clubes do tamanho de Grêmio e Inter. Felizmente para uns, infelizmente para outros, a taça só pode ficar com um, que festeja. Enquanto isso o outro chora.

Conquistou título? Tem que comemorar! Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Publicado

Não foi uma atuação de gala. A escalação também não foi aquela que o torcedor gostaria, mas a vitória contra o Juventude, na Serra, veio em excelente hora e dá a Odair o respiro que ele precisava para seguir a busca pela formação ideal para a estreia do Inter na Libertadores, dia 6 de março. Além disso os três pontos permitem que o Inter possa continuar fazendo seus testes em uma posição na tabela que condiz mais com a sua realidade de multicampeão gaúcho.

Mas a vitória no Jaconi pode ter dado algumas respostas ao técnico. Basta que ele não feche os olhos para situações gritantes, como a entrada de Pedro Lucas no ataque. Não somente pela falta de resultados de Tréllez, não simplesmente por ser ele oriundo da base, mas pelo simples fato de que com o garoto no ataque o Inter fica mais próxima da formação que conquistou o terceiro lugar no Brasileirão e a vaga direta na Libertadores.

Outra situação criada pelo próprio Odair e testada com êxito até a expulsão foi a entrada de Nico López na vaga de D’Alessandro. Já não é de hoje que o uruguaio vem desempenhando a função satisfatoriamente, mas o cartão vermelho impede que ele tenha sequência no espaço ocupado pelo antes incontestável camisa 10. É nítido que o time fica mais rápido sem o argentino, mas por hora, ao menos na cabeça de Odair, só Nico é opção.

Em resumo, com Nico aprovando no meio, Pedro Lucas no ataque, Neilton e Pottker dando boas respostas pelos lados, mais do que confirmar Patrick, Tréllez e D’Ale no banco, o Inter começa a fechar seu time base praticamente espelhado no exitoso formato de 2018. Não dá pra dizer que isso garantirá bons resultados a médio e longo prazo, nem que virão títulos, mas entendo que na mente do técnico isso é (e é) meio caminho andado.

Santa vitória no Jaconi!

Vitória para respirar e acertar o time. Foto: Ricardo Duarte/Inter

© 2019 - Júlio Martins