Me Siga

Ah, a Copa Santiago!

Júlio Martins

Publicado

Inicia na próxima sexta-feira, lá no meu Boqueirão, a 22ª edição da Copa Santiago de Futebol Juvenil. Este ano serão 12 clubes (há tempos considerado o número ideal) divididos em dois grupos, fórmula que também fica muito perto do ideal para uma competição tiro curto como a Copa. Este ano algumas mudanças estão bastante salientes. O gramado foi substituído, deixando de lado a grama nativa. Apesar de toda a chuvarada que caiu em novembro, as notícias que vêm da terrinha dão conta de que ficou muito bom. Para quem está acostumado com as imagens da Copa, uma nova cabine, colocada no lado oposto das sociais vai dar uma outra visão, com mais glamour, eu diria. A mudança de posicionamento da direção, que este ano enfrentou a estrada e viajou aos países vizinho ao invés de mandar um fax e esperar pela boa vontade alheia. Atitudes que podem fazer a diferença. Este ano não teremos a presença do mineiros, no entanto tem a estreia do Vasco e um clube da Dinamarca. Por estes e vários outros motivos que já conhecemos a Copa Santiago tem tudo pra ser um grande sucesso. Ah se uma grande empresa "enxergasse" o evento, o salto levaria Santiago definitivamente para o topo do futebol juvenil mundial. É melhor que a Taça São Paulo, mas não tem a mesma mídia.

Destaques

© 2020 - Júlio Martins