Me Siga

Cruzeiro está fora do Gauchão Juvenil

Publicado

O Cruzeiro/Bola Pro Futuro está fora do Gauchão Juvenil B. Conforme havíamos noticiado, o clube foi denunciado no artigo 214 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, por “incluir na equipe ou fazer constar em súmula atleta em situação irregular para participar da partida”. Julgado no final da tarde de ontem pelo Tribunal de Justiça Desportiva da Federação Gaúcha de Futebol, a equipe perdeu pontos da vitória contra o São Gabriel, vencido por 1 a 0 na segunda rodada do segundo turno.

Na partida em questão o Cruzeiro entrou em campo com o atleta Zé Augusto, que havia recebido cartão amarelo no jogo anterior (estreia com derrota para o Oriente, em Canoas). O detalhe é que, ao contrário do que se imaginava, este foi o terceiro cartão amarelo e ele deveria cumprir suspensão automática na partida seguinte, o confronto contra o São Gabriel, disputado no dia 18 de agosto, em Santiago.

Hoje à tarde conversei com o técnico Rodrigo Rosa, que lamentou a eliminação da equipe, após conquistar a vaga em campo, com uma boa campanha.

“O regulamento mudou nos últimos anos e nos faltou atentar para esse detalhe. Assim que terminou a primeira fase nós zeramos a planilha de cartões e começamos uma nova. Por esse controle o cartão do Zé seria o primeiro. Paciência. Erramos, agora temos que manter o foco na preparação para a Copa. Seria muito bom se pudéssemos seguir disputando o Gauchão, assim chegaríamos mais próximo da Copa com a equipe jogando”, disse o técnico em conversa que tivemos no Alceu Carvalho algumas horas atrás.

O Cruzeiro/Bola Pro Futuro disputaria a fase de oitavas de final com o Oriente, de Canoas, adversário que Santigo enfrentou duas vezes na fase anterior, com uma derrota e um empate.

“Poderíamos avançar como poderíamos ser eliminados, mas agora não adianta se lamentar”, disse o técnico.

O Gestor de Esportes do município, Daniel Pahim Teixeira, já havia confirmado no início da tarde que havia ocorrido um “erro de interpretação do regulamento” e que o clube iria consultar os advogados para analisar a possibilidade de entrar com recurso, o que não deve acontecer. A vaga do Cruzeiro/Bola Pro Futuro no estadual ficará com a Associação Rosário.

Clube fez boa campanha no estadual, mas foi eliminado no tribunal. Foto: Júlio Martins

Destaques

© 2018 - Júlio Martins