Me Siga

Bola Pro Futuro está fora da Liga Gaúcha

Publicado

Após vitória no tempo normal, equipe foi eliminada na prorrogação. Foto: Divulgação

Em um jogo eletrizante, disputado na tarde de sábado (9), o Bola Pro Futuro (BPF) foi eliminado da Liga Gaúcha Sub-13. O último representante santiaguense em competições estaduais venceu o jogo no tempo normal, mas foi derrotado na prorrogação pelo Cometa. No jogo de ida, em Santiago, o representante de Panambi havia vencido por 3 a 2.

Precisando vencer no tempo normal para provocar uma prorrogação, o Bola Pro Futuro teve uma oportunidade para abrir o placar logo com 15 segundos de bola rolando, mas Zé chutou por cima. Aos poucos a equipe mandante foi crescendo no jogo e se aproveitou de falhas do time treinado por Bolinha para abrir 3 a 0. Dois dos gols marcados pelo Cometa contaram com falhas dos goleiros santiaguenses.

A reação veio ainda na primeira etapa, com Thailã marcando duas vezes.

Com outra postura na etapa complementar, o BPF foi em busca do resultado que lhe interessava e virou o jogo. Thailã marcou seu terceiro e Zé decretou a virada a quatro minutos do fim.

Na prorrogação a vitória esteve perto. Logo no começo, Bruno teve a chance de marcar, mas primeiro parou no goleiro João Vitor, depois chutou por cima. Em seguida, numa desatenção da defesa, Mathias, o principal nome do Cometa, abriu o marcador. Logo na saída de bola, fechando um contra-ataque rápido, Martins marcou novamente e deu números finais ao jogo.

Após a partida, apesar da eliminação, a comissão técnica se mostrou satisfeita com o desempenho da equipe.

“Ninguém acreditava que poderíamos vencer o jogo aqui e vencemos”, disse o técnico Paulo Rodrigo Paz, o Bolinha.

“Para um primeiro ano de estadual fizemos uma excelente campanha”, destacou o Coordenador de Seleções do Bola Pro Futuro, Paulo Henrique Bandeira.

O foco do BPF agora é a Copa Santiago de Futsal Menor, que acontece, em dezembro.

 

Destaques

© 2019 - Júlio Martins