Me Siga

Final da Libertadores é transferida para Lima, no Peru

Publicado

A Confederação Sul-Americana de Futebol anunciou nesta terça-feira (5) que a partida entre Flamengo e River Plate mudou de estádio. O jogo, que inicialmente estava previsto para o dia 23 de novembro em Santiago, teve seu lugar alterado por causa dos protestos no Chile. A data foi mantida.

O local do jogo será o Estádio Monumental, que tem capacidade para 80.093 torcedores.

O anúncio foi feito por Alejandro Domínguez, presidente da entidade, em Assunção, após acordo com os presidentes dos dois clubes e das confederações brasileira e argentina de futebol.

“A escolha do novo palco se apoia no oferecimento do governo do Peru, nas garantias de segurança. A decisão foi um consenso com os presidentes de Flamengo e River Plate, das confederações da Argentina, Brasil e Chile, e dessa forma se manteve a política de realizar as finais únicas em diferentes países”, escreveu a Conmebol, em nota oficial.

LEIA A NOTA NA ÍNTEGRA

Novas circunstâncias de força maior e ordem pública, analisadas e avaliadas com prudência, considerando a segurança dos jogadores, público e das delegações, motivaram a decisão de levar a final da Copa Conmebol Libertadores 2019 a Lima, Peru, e manter a data inicial de 23 de novembro.

A escolha do novo palco se apoia no oferecimento do governo do Peru, nas garantias de segurança. A decisão foi um consenso com os presidentes de Flamengo e River Plate, das confederações da Argentina, Brasil e Chile, e dessa forma se manteve a política de realizar as finais únicas em diferentes países.

A Conmebol agradece muito ao governo do Chile e aos diversos órgãos públicos a ativa colaboração para a correta organização da final única da Libertadores 2019. Desejamos ao povo chileno e a suas autoridades paz e boa vontade.

Destaques

© 2019 - Júlio Martins