Me Siga

Aventuras na 287: patrocínio São Pedro

Júlio Martins

Publicado

Um vídeo que circula em grupos de Whatsapp mostra um ônibus da empresa São Pedro trafegando pela BR-287. Seria até cômico se não fosse trágico, mas o busão anda literalmente "ladeado" (ou mais pra lá do que pra cá como sugeriram alguns). Pior para quem precisa usar os serviços e deve se sentir numa espécie de montanha russa.

Sorte é chegar ao destino são e salvo, o que nem sempre acontece. Recentemente um ônibus teve que encostar à beira da rodovia porque estava sem freios. Para felicidade geral, o motorista teve a consciência de parar o veículo antes de encarar trechos mais perigosos.

A pergunta que fica é: até quando?

É inadmissível que os órgãos competentes permitam que alguns destes veículos ainda circulem. E mais, com tantos registros de ocorrências, audiências envolvendo inclusive o ministério público, nada seja feito.

Sem exagero gente, tem carros na frota que circulavam quando eu era criança e viajava para Santa Maria e Cruz Alta com alguma frequência. Põe aí uns 35 anos ou mais.

Será que estão esperando pelo pior? Aguardando uma tragédia para tomar alguma providência? Ou falta gente na fiscalização ou é vista grossa, confere produção?

CLIQUE E ASSISTA O VÍDEO

Destaques

© 2020 - Júlio Martins