Me Siga

"Vitória com a cara do Chacho", diz Galhardo

Júlio Martins

Publicado

Com dois gols de Galhardo, Inter garante liderança isolada do Brasileirão.

Mesmo não atuando bem na primeira etapa, o Internacional venceu o Ceará e se manteve na liderança do Brasileirão. Após o artilheiro Galhardo colocar a bola na rede nos minutos finais, o time treinado por Eduardo Coudet voltou com outro ânimo para a segunda etapa, quando confirmou o favoritismo e se isolou na ponta de cima da tabela.

Mais uma mitada de Galhardo
Aos 30 anos e no melhor dos 12 de carreira, Thiago Galhardo enalteceu a boa fase do Inter no Brasileirão: 

"Nosso ataque começa na defesa e a defesa começa no ataque. Não é à toa que somos líderes e temos a melhor defesa e o melhor ataque do Brasileiro e ainda não tomamos na Libertadores", destacou.

O principal destaque colorado na temporada também deixou claro o foco e seu objetivo:

"Tenho objetivos. Para a gente ficar marcado em um clube tem que terminar ciclos e conquistar títulos. E este é o meu objetivo no Internacional.", reforçou.

O jogador chorou após marcar o primeiro gol e não comemorou o segundo em respeito ao adversário, onde ele diz ainda manter contato.

"Passa um filme na minha cabeça. No Inter x Ceará do ano passado que eu fiz o gol lá em Fortaleza. Eu tava num momento crítico da vida com minha vó. Quando faço os gols ela vem na minha cabeça, a estrela que tanto me ilumina e eu peço a Deus que ela me abençoe. Naquela época eu não queria jogar, hoje (quinta) eu posso fazer um gol e dedicar a ela. Estou muito feliz", contou emocionado.

Destaques

© 2020 - Júlio Martins