Inter precisa vencer para “cravar bandeira” no G-4

Inter precisa vencer para “cravar bandeira” no G-4

Por Júlio Martins

Está longe de ser uma tarefa fácil, mas pelas circunstâncias também está longe de ser improvável que o Inter vença o São Paulo logo mais, no Beira-Rio. Ainda que tenha desfalques importantes e capazes de fazer a diferença em campo, o time de Mano Menezes terá pela frente um adversário ainda mais desfalcado e desgastado, especialmente do clássico diante do Palmeiras pela Copa do Brasil. E do lado de lá também existem desfalques importantes, especialmente o argentino Calleri, o mais perigoso dos atacantes são-paulinos.

A vitória hoje vai além do sabor de superar novamente um rival tradicional e de certa forma freguês em momentos decisivos. Os três pontos diante da torcida permitem ao Inter “cravar sua bandeira” no G-4 de uma vez por todas e dá aquela moralzinha pra encarar o Palmeiras, em São Paulo, no encerramento do turno. Vitória hoje serve ainda pra se manter a frente de alguns adversários diretos como Fluminense e Athletico e aquela gordurinha para o Flamengo, que certamente subirá nas próximas rodadas.

É chave, é fundamental para as pretensões coloradas se manter na ponta de cima, e vamos combinar que estar no G-4 é melhor que esta no G-6, afinal os riscos de ficar fora da Libertadores são muito menores, assim como estar ali, próximo da linha mais alta da tabela, também mantém acesa aquela chama de que se alguém tropeçar mais que o normal o Inter pode até sonhar com uma briga pelo título, por mais remota que ela seja. O torcedor não está impedido de sonhar com um repeteco de 2020, mas para isso o time precisa dar essa forcinha em campo, especialmente nessa reta final de turno e início de segundo turno, quando encara adversários de maior peso, algo que se repetirá nas rodadas finais do campeonato.

Empate num duelo como esse não deve ser lamentado, mas pelas circunstâncias todas acima, vencer, mesmo que seja uma vitória magra, mantém o astral em alta e o time perto do topo, então, o negócio é fazer o dever de casa.

Inter e São Paulo se enfrentam a partir das 20h30, com transmissão do Premiere, como mostra nossa Agenda Esportiva.

Inter, de Mano, está de olho nos líderes. Foto: Ricardo Duarte/Internacional

Leave a Reply